Quem quer, demonstra interesse.

Não perde tempo com jogos de (falta) de interesse. Liga primeiro, responde rápido, beija em público e chama de “namorada” na frente dos amigos. Consequentemente, está sempre de consciência limpa pois faz tudo ao seu alcance para que dê certo.

Quem quer, encurta distâncias.

E não faz falsas promessas de cruzar oceanos em uma noite se não for possível, mas encontra meios de se fazer presente mesmo estando longe. Quem quer, cuida, não deixa o abandono e a saudade tomarem conta do espaço que é seu. Inventa áudio, skype ou bilhete por debaixo da porta para mandar os diários “bom dia” e “boa noite”. E não por protocolo, mas por querer ser seu primeiro e último pensamento do dia.

Quem quer, transforma crise em oportunidade.

Não usa como desculpa a saída tarde do trabalho. Vai te chamar para dormirem juntos pois não há colo melhor para descansar. Quando estiver doente, vai se oferecer prontamente para receber um carinho, afinal, fazer cafuné e tão bom quanto receber.

Quem realmente te quiser, será imperfeito.

Porque será verdadeiro e não forçado. Quem só quer impressionar inventa um mundos perfeitos para construir uma imagem falsa e artificial. Quem quer, abre o peito e não tem medo de que descubram seus defeitos e manias.

Quem realmente quer, sempre dá um jeito.

Gostou? Então compartilhe esse texto com seus amigos do Facebook clicando aqui :)